Um incêndio destruiu cerca de 15% da cidade cenográfica da próxima novela das 19h da Globo, Três Irmãs, na manhã de hoje no Projac, em Jacarepaguá (RJ). Segundo comunicado divulgado pela assessoria de imprensa da emissora, ninguém ficou ferido e o fogo foi apagado pela Brigada de Incêndio da Central Globo de Produção. A causa do incêndio será apurada pelo Corpo de Bombeiros.

A assessoria informa que os cenários ainda estavam em construção e que o incidente não atrasará o cronograma de gravação da novela, prevista para estrear em setembro. Atualmente, atores gravam cenas externas.
Na foto acima, o Projac em 2005. As cidades cenográficas ocupam o terreno identificado com o número 2.

Leia também
Globo amplia o Projac de olho no mercado estrangeiro

4 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Humberto Castelli disse...

É incrível ler determinadas aberrações como esta que um anônimo postou acima! A inconsequência mora junto da ignorância e a inveja aflora quando a ilação não se contém nas premissas. Êta povinho ruim!

caco disse...

Até aqui neste blog o nível tá caindo. Este blog era o único que não tinha chingamentos e baixarias. Todos tem direito a opinar e fazer isso com civilidade e educação. É por isso que este País, com tudo que tem, continua da maneira que está.....falta educação, MUITA EDUCAÇÃO!
Uma sugestão para o pessoal deste excelente blog. Coloquem o sistema de verificação prévia das mensagens antes de sua publicação evitando chingamentos e falta de civilidade das pessoas. Temos que, infelizmente, reconhecer que as pessoas não aprenderam ainda a lidar com as diferenças de pensamentos e idéias sem apelar para o recurso da baixaria, do achincalhamento e da agressividade. Quem não tem argumentos chinga, bate, bufa e ainda se esconde no anonimato. É triste constatar isso a cada dia e saber que ainda levará muitos anos para este quadro mudar.

Teve Aberta disse...

Caco,
realmente os palavrões e xingamentos são exceções no blog. Esse foi o primeiro caso em muito tempo. Nesse quesito, o Tevê Aberta só tem a agradecer aos leitores, em geral muito educados.

Apagamos o comentário ofensivo assim que o lemos. Até seis meses atrás, os comentários do blog tinham que ser aprovados. Por sugestão de uma visitante, mudamos o sistema, permitindo a publicação imediata, o que aumentou significativamente o número de comentários. Ainda assim, continuamos a ler todos para deletar quando preciso.

Por enquanto, vamos continuar confiando no bom-senso dos leitores, mas se casos como esse se repetirem, voltaremos à moderação.

Até!