Abertura do debate e perguntas dos candidatos a Lula

O debate entre os principais candidatos à presidência da República promovido pela Globo acaba de terminar. O confronto foi marcado pela ausência do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que, depois de fazer mistério sobre sua participação, enviou uma carta à emissora avisando que não compareceria. Alegou que seria massacrado pelos concorrentes com críticas "virulentas" e agressivas. Já Geraldo Alckmin, Heloísa Helena e Cristovam Buarque estiveram nos estúdios do Projac, no Rio de Janeiro, de onde o debate foi exibido ao vivo.

O âncora William Bonner foi o responsável por mediar o confronto — e cumpriu devidamente sua função, mantendo-se como coadjuvante durante todo o tempo. Como o regulamento do debate permitia que os participantes fizessem perguntas com duração de 40 segundos aos candidatos ausentes, o primeiro bloco do programa praticamente se resumiu a críticas diretas a Lula. Geraldo, Heloísa e Cristovam aproveitaram a oportunidade de levantar questões sem que o presidente as respondesse.

Mas os 90 minutos dedicados à apresentação de idéias dos três presidenciáveis não ficaram restritos a alfinetadas em Lula. Ao contrário do que aconteceu no debate promovido pela Band, Heloísa e Geraldo protagonizaram discussões acaloradas. Na reta final da campanha, a senadora partiu para o ataque e fez questão de apontar que o ex-governador de São Paulo representa a continuidade do mandato de Fernando Henrique Cardoso.

Cristovam optou por continuar a defender uma revolução na educação, endurecendo seu discurso apenas quando falava sobre Lula. Geraldo manteve o tom suave, com críticas leves ao principal concorrente. E Heloísa Helena foi o destaque da noite — sem que isso signifique que tenha "vencido" o debate; a candidata apenas se posicionou com mais força —, disparando contra Lula, FHC e Alckmin. Agora, é esperar para medir as conseqüências do debate em 1º de outubro.


Confronto entre Heloísa e Alckmin 1: desemprego


Confronto entre Heloísa e Alckmin 2: segurança


Confronto entre Heloísa e Alckmin 3: energia


Alckmin e Cristovam falam sobre corrupção


Ex-petistas, Cristovam e Heloísa discutem a crise no partido

Veja no arquivo do Tevê Aberta as entrevistas dos principais presidenciáveis ao Jornal Nacional, Jornal da Globo, Bom Dia Brasil e Jornal da Record e o debate promovido pela Band.

Conforme prometido, o Tevê Aberta disponibilizou o primeiro vídeo do debate menos de uma hora após o fim da atração.

8 comentários:

Joice e Marcos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Tevê Aberta disse...

Joice e Marcos,
obrigado pelas visitas (em altas horas). Checamos os vídeos e eles estão rodando normalmente. Em outras ocasiões, leitores já passaram por esse tipo de problema e, depois, detectaram que o causador era o computador. Se alguém souber o que fazer para resolver, deixe um comentário.
Boa madrugada!

Tevê Aberta disse...

Oops! Agora é que vimos que moram no Japão. Portanto, aí são 14h, e não 2h. Então, boa tarde para vocês e boa madrugada (de trabalho) para nós.
Até!

Greven disse...

Parabéns para o Tevê Aberta pela rapidez e ótimas capturas. Continuem o bom trabalho!

Joice e Marcos disse...

Obrigado pela resposta.
Assisti o video direto no site do You tube, e rodou normalmente.
E agora conferi novamente o video no TeveAberta, e tb funcionou sem problemas. Uso Firefox, talvez seja algum problema do "esgoto" hehehe, desculpe, do YouTube.
Abraços Niponicos

Renato disse...

Bom dia!

Vocês publicaram o dabate na íntegra ? Espero a resposta. Abraços!

gisele disse...

gostei do debate. devo dizer que estou adorando ver os votantes de lula caladinhos na manhã de hoje. tenho muitos amigos que protegem o presidente e hoje eles amanheceram tão quietos... rsrrss
não voto em heloísa helena, mas admito que ela deu um show ontem. tb não voto em alckmin. meu voto é do cristovam e confesso que fiquei um pouco preocupada com a falta de preparo dele em falar sobre saúde. mas ainda assim, voto nele.
valeu teve aberta pelas atualizações. =)

Tevê Aberta disse...

Joice e Marcos, que bom que conseguiram ver os vídeos. Não sabemos por quê mas o primeiro comentário de vocês foi apagado. Estamos transferindo agora o Tevê Aberta para a versão beta do Blogger e isso tem gerado alguns problemas. Voltem sempre e... abraços brasileiros!

Renato,
não postamos o debate na íntegra, mas grande parte dele. Infelizmente o YouTube limita a duração dos vídeos a 10 minutos e o debate teve 100. Até agora, o Tevê Aberta disponibilizou mais de 35 minutos do confronto. E ainda falta um vídeo.

Gisele e Greven,
obrigado pelos comentários e voltem sempre ao Tevê Aberta. Até!