Mineira Natália Guimarães é coroada Miss Brasil 2007

A Band acaba de encerrar a transmissão do Miss Brasil 2007. A vencedora foi a representante de Minas Gerais, Natália Guimarães, de 22 anos. Ela representará o país no Miss Universo, no México. Enquanto era coroada, a estudante de arquitetura recebeu vaias por conta de sua fala durante o bloco de perguntas e respostas. Questionada sobre a política brasileira, a mineira afirmou que há maus e bons políticos.

Tudo ia bem até que citou o governador de seu estado, Aécio Neves, como exemplo a ser seguido. A partir daí, passou a ser hostilizada pela platéia no Vivo Rio, onde o concurso foi realizado. Mas nada impediu que vencesse a disputa. Sua principal rival era a Miss Rio Grande do Sul, que ficou com o segundo lugar. A representante do Paraná foi a terceira colocada; a de Pernambuco, a quarta; e a de São Paulo, a quinta. De Rio Grande do Norte, Mato Grosso, Bahia, Rondônia e Santa Catarina vieram as outras cinco semifinalistas.

A exibição do Miss Brasil 2007 foi marcada por erros na direção de imagem, assim como na escolha de trilha sonora, cenário, coreografia e iluminação. As câmeras (Jorge Bernardo Filho) pouco mostraram as candidatas por completo, principalmente no desfile casual. Repetitivas, as músicas de fundo (Daniel Pompeu) eram quase sempre estrangeiras, sem destacar que se tratava de um concurso de beleza nacional. O problema se repetiu no cenário (Zé Carratu), que lembrava os casarios do Marrocos e cuja escada diminuía o palco.

As caricatas e afetadas coreografias (Scott Grossman) também impediram que houvesse um desfile harmônico e, virados para as câmeras, os focos de luz (Cláudio Eduardo Moura) atrapalharam a visualização das participantes. A apresentadora Nayla Micherif mostrou que evoluiu muito desde que ancorou a transmissão do concurso pela primeira vez. Já o estreante na função Guilherme Arruda, ofuscou sua bela imagem assassinando a língua portuguesa. Ainda assim, neste Miss Brasil — dirigido por Rodrigo Carelli — a Band conseguiu superar a risível exibição do Miss São Paulo — (mal) comandado por Marlene Matos.

8 comentários:

Maria Luiza disse...

oi, teve aberta td bem?
eh a primeira vez q eu estou visitando seu site e estou adorandooo.. gostaria de saber se vc vai por os videos da dança dos famosos mais tarde???
bjo

Anônimo disse...

teve aerta
venho aqui te pedir para colocar tds as apresentaçoes da dança dos famosos.... aguardo sua resposta
bjo obrigada

Tevê Aberta disse...

Maria Luiza / Anônimo,
postaremos vídeos da Dança dos Famosos ainda hoje. Voltem e confiram.

Marina disse...

Concordo com vocês na análise do programa Miss Brasil exibido pela Band. Não se via as candidatas direito (os erros na direção de imagem eram evidentes- conforme vocês tão bem apontaram) e as meninas não desfilaram, correram de um lado para o outro meio desloucadas e estavam mais para shows de travestis do teatro Rival do que para concurso de Miss Brasil.
Ai, que saudades dos desfiles da época da TV Tupy!!! Vocês são desta época, ou são mais jovens? Se não tiveram a oportunidade de viver aquele período não sabem do que estou me referindo, mas se são, entendem claramente o quanto o glamour daqueles concursos fazem falta hoje me dia. Parabéns pela matéria muito bem apurada e escrita. Sucesso para todos da redação.
Marina

Tevê Aberta disse...

Marina,

que bom que concordamos. Sinal de que nossa avaliação bate com a de outros espectadores. Você tem razão sobre o concurso parecer com um show de travestis. Faltou naturalidade. Infelizmente, não assistimos aos concursos da época da Tupi, mas com certeza eram mais glamourosos do que o deste ano.

Obrigado pelo comentário e volte sempre!

Anônimo disse...

Concordo em partes com a sua visão sobre o Miss Brasil 07, ouveram sim erros de direção, e com certesa sentimos falta da repercusão que o Miss Brasil tinha, mas dai falar que todas eram travestis já é um exageiro!!!
Mas em uma questão a publicação ERROU, a Miss Minas Gerais ao responder a dificil questão sobre politica e citar o nome do governador de seu estado foi muito APLAUDIDA. Acho que deveriam tomar mais cuidado. Obrigado

Tevê Aberta disse...

Anônimo,

revimos partes do Miss Brasil 2007 e reiteramos que a Miss Minas Gerais foi vaiada após a pergunta. É óbvio que ela também recebeu aplausos, mas foi a única vaiada. A platéia fez som de u (vaia), e não de e (comemoração).

A situação se repetiu enquanto ela caminhava pelo palco, já coroada. Antes, ela vinha sendo muitíssimo aplaudida, o que diminuiu após ter falado sobre o político.

Ah, e ninguém falou que todas eram travestis. Releia o comentário da Marina e perceba que ela diz que a coreografia do concurso parecia com as de shows de travestis.

Anônimo disse...

Quaquer candidata poderia ter respondido esta pergunta,e falar sem problema sobre o governador de seu estado,seria bem estranho se falasse de um estado que não fosse o seu não é mesmo!NATÁLIA,estava divina,eu estava lá e vi o desfile,ela foi muito aplaudida,não vi nada de vaia,e tinha a maior torcida no Vivo Rio.Quanto a Band,acho que pode melhorar para os próximos desfiles.
Á MISS BRASIL NATÁLIA,desejo felicidades e Parabéns por sua vitória.VAMOS TORCER POR ELA NO MISS UNIVERSO NO MÉXICO DIA 28 DE MAIO!